Embaixada de Portugal em Lima

A Embaixada de Portugal em Lima informa que os seus serviços de atendimento presencial e telefónico estão suspensos.

Esta medida deve-se às restrições impostas pela declaração de estado de emergência, tanto no Peru como em Portugal.
Os assuntos urgentes deverão ser encaminhados através do endereço de correio electrónico lima@mne.pt.

A Embaixada de Portugal, ciente do espírito de resistência e resiliência que sempre marcou os portugueses, recomenda a todos os nacionais que se protejam e respeitem as normas de isolamento impostas pelas autoridades peruanas.

--------------------------------------------------------------------------------------

Tendo conhecimento de que alguns portugueses dispersos pelo território peruano estão a planear dirigir-se a Lima por via terrestre e por meios próprios, a Embaixada de Portugal desaconselha vivamente essa opção. Além de estarem a infringir as normas da declaração do estado de emergência e poderem ser de imediato detidos pelas autoridades, as informações que temos sobre a segurança nas estradas levam-nos a alertar para múltiplos riscos, incluindo ao nível da segurança física.

Todos os que se encontrem fora de Lima deverão aguardar pelos esforços que estão a ser feitos em coordenação com as embaixadas da União Europeia, no sentido de conseguir fazer chegar o maior número possível à capital e por via aérea.

Simultaneamente, desmentimos todas as notícias e rumores de que não estaria assegurado um avião de repatriamento enviado pelo Estado português. Neste momento estamos a negociar com o Governo peruano as condições para que aterre um voo, a aeronave já está fretada e apenas aguarda autorização para poder partir.

Pedimos que compreendam que as condições atuais são muito exigentes e estão a ser colocados diversos constrangimentos às chegadas e partidas de aviões. São dificuldades que todos os países estão a procurar ultrapassar e que, com certeza, superaremos.

 

Mais notíciasNotícias

Compatriotas no Peru,

Como Embaixador de Portugal no Peru tenho apreciado o civismo e serenidade com que estão a reagir os portugueses que se viram retidos pela declaração do Estado de Emergência Nacional, que inclui a proibição de todos os voos, das deslocações inter-regionais e um período de quarentena obrigatória.

A Embaixada de Portugal está a fazer todos os esforços para minimizar estes constrangimentos e estou em permanente contacto pessoal com as restantes representações de países da União Europeia e com o Governo Peruano, procurando encontrar uma solução adequada e o mais rapidamente possível.

Entretanto, apelo a todos que continuem com o mesmo espírito que têm mantido, acatando as normas do decreto do Estado de Emergência, nomeadamente: manterem-se nos locais onde estão e deslocarem-se apenas para as compras de bens essenciais que estão permitidas.

Esta Embaixada está com constrangimentos de funcionamento porque grande parte dos nossos colaboradores também foram afetados pelas atuais restrições. Pedimos compreensão para o facto de que não nos será possível fazer atendimento presencial e termos uma congestão nas linhas telefónicas. Todas as consultas devem por isso ser processadas pelo nosso correio eletrónico lima@mne.pt. Na nossa página de Facebook estamos a colocar informação atualizada que devem consultar com frequência: https://www.facebook.com/EmbaixadaPTLima/

Neste difícil momento, quero deixar uma palavra de alento e confiança e dou garantias pessoais e de toda a equipa da Embaixada de que estamos a trabalhar com todo o empenho e dedicação e alimentados por um sentido de missão, tendo como único objetivo que cada português possa encontrar-se o mais rapidamente possível com a sua família.

Espero em breve comunicar novas informações

Envio uma calorosa saudação a todos

Afonso Henriques de Azeredo Malheiro

Embaixador de Portugal no Peru

A Embaixada de Portugal em Lima informa que os seus serviços de atendimento presencial estarão suspensos enquanto vigorar o Estado de Emergência Nacional decretado no dia 15 de março 2020 pelo Presidente da República do Peru. Este Estado de Emergência estipula, entre outras medidas, um regime de quarentena obrigatório e o encerramento de todas as fronteiras aéreas, marítimas e terrestres do país. O sistema de transportes inter-regional também estará suspenso e todos os voos provenientes ou com destino à Europa foram cancelados até ao próximo dia 16 de abril.

A Embaixada de Portugal assegura aos turistas portugueses presentes no país que está a envidar todos os esforços, em coordenação com as Embaixadas dos demais países da União Europeia, as companhias aéreas e as autoridades peruanas, com vista a  encontrar um mecanismo que permita a repatriação, logo que possível, de todos os turistas.

A Embaixada de Portugal em Lima informa ainda os nossos compatriotas que se encontra em funcionamento a linha telefónica +351-217929755 e o endereço eletrónico covid19@mne.pt para atender situações de maior emergência, a funcionar das 9h00 às 17h00 (hora de Lisboa). Também se encontra ativado o Gabinete de Emergência Consular (GEC) em Lisboa: telefones nº +351-217929714 e +351-961706472  e endereço eletrónico gec@mne.pt

A Embaixada de Portugal aconselha todos os nacionais a manterem-se seguros, atentos e informados sobre novos desenvolvimentos.

Contactos

Avenida Pardo y Aliaga 640, piso 16 – San Isidro – Lima – Peru

0051 1 6287164
0051 1 6287165
0051 1 6287166
lima@mne.pt
Facebook 

Mais informação

Ligações úteis

Logotipo Portal das Comunidades Portuguesas

Logotipo Carreiras Internacionais

Logotipo Turismo de Portugal

Logotipo AICEP - Portugal Global

Logotipo Portugal Economy Probe

Logotipo Camões - Instituto da Cooperação e da Língua

Logotipo Instituto Diplomático